RSS

Domingo



A ressaca da resultante da última madrugada deixa, como sempre, a boca seca e amarga.
Não se viu a luz do dia, pois quando acordou, já era noite.
Um pouco de dor de cabeça e muita preguiça.
Nunca marcava compromissos para tais dias, pois sabia que a vontade de fazer coisa alguma ocuparia o seu corpo.
Ligou a televisão e assistiu com desinteresse o jornal. As notícias eram sempre as mesmas: enchentes, recorde de congestionamento, uma greve de alguma classe trabalhadora, tantos homicídios, os gols da rodada.
No dia seguinte, teria que vestir uma das roupas ´sociais´, trancar-se no escritório apertado, debruçar-se sobre a mesa cheia de documentos e processos, rezando para que o próximo fim de semana chegue logo.

Vida vazia... Os dias úteis eram sempre idênticos; os domingos também.

2 comentários:

Antônio disse...

Do domingo eu até gosto, já que normalmente viajo, passeio e aproveito bastante. Agora, a segunda, não me desce, engasga mesmo, hehehe.

E barata, tá, beleza, ainda vale. Menos mulher. Isso eu deixo pra vocês, que o fazem com maestria. =]

Beijão!

F. S. Júnior disse...

de vez em quando a vida passa assim mesmo... sem sentido, vazia...